Segunda-feira, 16 de Maio

Servidora da UPA de Ceres, desabafa pelo salário de dezembro dela em atraso e de outros servidores do SAMU

Publicado em 25/01/2022 às 07:50
Ceres

Uma prestadora de serviço da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Ceres, entrou em contato com a redação do Jornal Populacional para desabafar e dizer que ela e mais outras cercas de 13 prestadores tanto da UPA e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (SAMU) estão com os salários de dezembro de 2021 em atraso.

A servidora por medo de represália pediu para não ser identificada. Ela contou que Técnicos  em enfermagem, médicos, auxiliar de farmácia, fisioterapeuta e médicos do SAMU, encontram- se com o salário do mês de dezembro em atraso.

Ainda de acordo com a servidora, segundo o que foi repassado aos funcionários, o atraso no pagamento é devido a carga horária que os funcionários fizeram a mais durante o ano de 2021. Justificativa da prefeitura.

Ela disse ainda que com a renovação dos contratos para 2022, os servidores, segundo a prefeitura ficaram sem " Limite" para pagamento e teria que ser feito aditivo dos contratos para uma "verba adicional" para que pudessem ser pagos.


LEIA TAMBÉM:

Mulher morre na UPA de Ceres após queixa de dores na região lombar

Morador relata demora no atendimento na UPA de Ceres

Avó fica indignada pelo fato do neto de 2 anos não ser atendido na UPA de Ceres 

 

Desde o dia 10 de Janeiro os funcionários aguardam por respostas e a resolução do problema, mas todos os envolvidos não se pronunciam ou fazem questão de resolver. Disse a servidora.

"Mesmo depois de feito o aditivo como foi pedido pela prefeitura, os funcionários continuam sem pagamento e sem posicionamento de quando iram receber".

Ela desabafa sobre o descaso que esses os funcionários vem sofrendo, mesmo sem pagamento nenhum,  não deixaram de cumprir suas cargas horárias.

A servidora disse que desde que a prefeitura assumiu "estamos com dificuldades com eles" 

"Devíamos ter recebido o salário de dezembro no início do mês de janeiro, e eles não pagaram'. Ela comentou que foi pago parte da equipe e deixaram outra parte sem receber.


Coordenação da UPA


A coordenação da unidade diz  acreditar que todos já receberam, "se tiver faltando algum é por questões de atraso de tributos".

Questionada pelo JP,   a servidora disse que está tudo em dia  com os tributos municipais.

 

 

Comentários


Os comentários não expressão a opinião do Jornal Populacional e são de exclusiva responsabilidade do autor.

Encontre mais notícias relacionadas a: Notícia,

Veja Também