Segunda-feira, 06 de Dezembro

Mais de 60 funcionários da UPA e SAMU de Ceres são demitidos, a saúde pode virar um caos

Publicado em 28/07/2021 às 13:42
Ceres

Nesta terça-feira (27/7) todos os funcionários da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e Serviço de Atendimento Móvel de urgências (SAMU) de Ceres foram informados de demissão e cumprimento de aviso. de acordo com a direção, são 61 funcionários, entre enfermeiros, enfermeiras, recepção, motoristas e serviços gerais.

 

A reportagem do JP conversou com Shirlei Kellen Ferreira, Diretora Administrativa do Hospital São Pio-X. Segundo ela, O Hospital São Pio-X é o órgão responsável por gerir a saúde na Unidade de Pronto Atendimento UPA e SAMU através de  contratos com a prefeitura de Ceres.

 


Ela contou que na última sexta-feira (9/7/2021) foi comunicada pela prefeitura de Ceres, da decisão de encerrar os contratos de prestação de serviços de gerenciamento da UPA e do SAMU pelo Hospital São Pio -X. A partir desta decisão, segundo Shirlei, foi constituído uma comissão de transição que fazem parte   membros do hospital e membros da prefeitura.


 LEIA TAMBÉM:

UTI Covid-19 do HOC em Ceres pode fechar essa semana sem apoio do poder público municipal


Moradora de Ceres fica indignada com a demora no atendimento na UPA 


Filho fala da mãe que quebrou o braço e fica sem fazer cirurgia por falta de anestesista pelo poder público em Ceres



Nesse sentido, as decisões  que precisam ser tomadas é uma desmobilização de todos os serviços que o Hospital São Pio X realizam dentro da UPA e SAMAU para que a prefeitura venha assumir a gestão da UPA a partir do dia 31 de agosto de 2021.

 

Funcionários serão desligados

 

Shirlei, ressaltou que como o Hospital São Pio-X não vai continuar prestando os serviços, todos os funcionários serão desligados (demitidos). Neste mês de agosto, os funcionários estarão de aviso prévio, até 30 de agosto.

 

 

O Hospital São Pio-X continuará atendendo normalmente através de um convênio com o Sistema Único de Saúde, que vem através da prefeitura.  Não responderá mais pelo gerenciamento da UPA e do SAMU.

 



Como ficarão os profissionais da saúde demitidos.

 

A reportagem do JP foi até a Secretaria Municipal de Saúde de Ceres no final da manhã de hoje(28) para uma resposta sobre aqueles profissionais que foram avisados da demissão e pra saber como realmente vai ficar daqui para frente, a atendente da recepção da secretaria informou que a secretária não poderia falar no momento com a reportagem.

 

A reportagem conversou com alguns funcionários, eles disseram que foram informados sobre um credenciamento e que os interessados podem fazer o credenciamento para continuarem no trabalhao, falaram também na Pejotização (Pessoa Jurídica) o ato de manter empregados através da criação de empresa pelos contratados – a relação passa a ser entre empresas ao invés do contrato de trabalho entre a empresa e seus empregados.

 

A reportagem vai tentar falar novamente com a Secretaria Municipal de Saúde para esclarecer como será feita essa contratação desses profissionais.

 

Shirlei, afirmou que Pio-X sobrevive unicamente do Sistema Único de Saúde (SUS) o que pode enfrentar ainda mais dificuldades financeiras, já que os valores pagos pelo SUS são bem defasados e baixíssimos. O Pio-X há 76 anos presta serviços a Ceres e toda região.

 

 

Comentários


Os comentários não expressão a opinião do Jornal Populacional e são de exclusiva responsabilidade do autor.

Encontre mais notícias relacionadas a: Notícia,

Veja Também