Moradores de Itaberaí fazem manifestação por segurança, até juiz foi feito refém - Jornal Populacional
Quinta-Feira, 29 de Outubro de 2020

Moradores de Itaberaí fazem manifestação por segurança, até juiz foi feito refém

Publicado em 17/03/2017 às 08:44

CLIQUE PARA AMPLIAR
PUBLICIDADE

 

Centenas de Itaberinos marcharam em protesto na tarde desta quinta-feira (16) pelas ruas da cidade. Os moradores pedem por mais segurança por conta de uma onda de assaltos e furtos que tomou conta da região neste ano.

 

Segundo um dos organizadores da manifestação, o advogado Rodolfo Silva, a comunidade local tem sofrido uma sequência de furtos e roubos violentos. “São dois furtos durante o dia, quatro assaltos durante a noite, e teve casos de cárcere privado como foi o caso de um ex-juiz, que foi mantido refém na casa dele, então está descontrolado”, frisa.

 

Além do roubo na casa do juiz, que aconteceu na última quinta-feira (9), o morador Tales Cunha conta que, no mesmo dia, outra família foi feita de refém por bandidos. “Eles entraram na casa e amarraram os dois adultos e as duas crianças. Eles pegaram os eletrodomésticos e colocaram dentro do carro e foram embora. Depois eles queimaram o carro”, lembra ele.

 

Apesar do alto número de furtos e assaltos, Rodolfo parabeniza o trabalho da Polícia Militar que, segundo ele, tem feito um trabalho acima da média. “O Coronel Ronaldo é um herói aqui para Itaberaí. O cara está segurando toda a barra sozinho, ele vai para rua, prende, faz a segurança. Mas é só a Polícia Militar, porque o resto não faz nada”, diz o advogado.

 

Os manifestantes, segundo Rodolfo, estão “gritando por socorro” e pretendem, com a manifestação, chamar a atenção das autoridades municipais e estaduais para a situação de violência vivida na cidade.

 

COMENTÁRIOS

Os comentários aqui postados expressam a opinião de seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Jornal Populacional

(62) 8585-3737