Morador de Carmo do Rio Verde está em situação difícil, precisa de sua ajuda para fazer uma cirurgia - Jornal Populacional
Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020

Morador de Carmo do Rio Verde está em situação difícil, precisa de sua ajuda para fazer uma cirurgia

Publicado em 25/05/2020 às 22:04

CLIQUE PARA AMPLIAR
PUBLICIDADE

Edilson precisa de fazer uma cirurgia de retirada de um cisto no ânus, segundo ele parou de trabalhar porque não consegue pegar peso, já que ele é servente de pedreiro na cidade de Carmo do Rio Verde.

 

Edilson não tem condições financeiras para manter a família, e nem mesmo para fazer a cirurgia o que é grava a situação dele. Devido a pandemia do coronavírus, Edilson conta que o Sistema único de Saúde (SUS) não está atendendo, neste caso a cirurgia tem que ser realizada por um médico que atende particular.

 

Edilson não tem a mínima condição financeira de fazer, ele conta que o valor chega r$ R$ 3 mil, com o tratamento incluindo remédios o custo sobe para r$ 5 mil. O morador pede ajuda o povo de Carmo do Rio Verde e região, quem puder ajudar com qualquer quantia em dinheiro e também alimentos pode ir à casa dele na Av Bernardo Sayão

Jardim Cachoeira nº108 ao lado da garagem da prefeitura ou entrar em contato pelo número: 62- 99849 – 4592.

 

 

 Ele conta que que recebeu cestas básicas de moradores de Carmo do Rio Verde, e que está precisando de medicamentos, não tem dinheiro para adquirir os mesmos.

 

Caso conseguir a verba para esse tratamento, a cirurgia será realizada em um hospital na cidade de Ceres. Se ele não conseguir fazer a cirurgia, não terá como trabalhar para tratar dos seus filhos pequenos que moram com ele.

 

 

Contas para depósito de qualquer valor

 

 

Agência 0267 4

Conta: 1000584 1

Bradesco Edilson da Silva Assis.

 

 

Agência: 1298

Operação 013  

Conta: 025149-2

Walber Magalhães Costa

Caixa econômica

 

                                                

 

COMENTÁRIOS

Os comentários aqui postados expressam a opinião de seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Jornal Populacional

(62) 8585-3737