Bombeiros controlam fogo em vegetação no setor Industrial em Rialma - Jornal Populacional
Terça-Feira, 16 de Julho de 2019
  • Bombeiros controlam fogo em vegetação no setor Industrial em Rialma

    Publicado em 16/06/2019 às 22:50

    CLIQUE PARA AMPLIAR
    PUBLICIDADE

    Guarnição do Corpo do Bombeiros de Ceres, foi acionada para realizar combate de incêndio em um lote baldio no setor Industrial em Rialma.

     

    Ao chegar ao local foi identificado que havia risco iminente para as edificações próximas, e então foi feito o combate usando a reserva de água da Viatura até o incêndio ser extinto.

     

    O fato ocorreu na última sexta (14/6) por volta das 18h20 horário de atendimento.  

     

    Em tempos de estiagem, clima seco e baixa umidade relativa do ar contribuem para aumentar a quantidade de incêndio em vegetação, terrenos baldios e pastagens.

     

    As queimadas podem ser evitadas com pequenas atitudes diárias. Para evitar o risco e, principalmente, as consequências dos focos de calor, medidas simples podem ajudar.

     

    Não utilizar fogo para limpar terrenos, evitar queimar de galhos e folhas em quintais, cuja fumaça gera problemas respiratórios. As folhas devem ser acondicionadas em sacos e colocados em local adequado para descarte e coleta pelo serviço de limpeza pública.

     

     Limpar o terreno com enxada e remover materiais que podem pegar fogo facilmente, não lançar bituca de cigarro.

     

    Crime ambiental

     

     

    Provocar incêndio em mata ou floresta é crime ambiental definido no artigo 41 da Lei de Crimes Ambientais, com previsão de pena de reclusão de dois a quatro anos, assim como causar incêndio expondo a vida, integridade física ou patrimônio de outro a perigo sujeita o infrator à reclusão de três a seis anos (artigo 250 do Código Penal). 



    Em caso de incêndio ligue para o telefone 193, Corpo de Bombeiros.

     

    COMENTÁRIOS

    Os comentários aqui postados expressam a opinião de seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Jornal Populacional

    (62) 8585-3737