Morre pastor por complicações provocadas pelo coronavírus em Goianésia - Jornal Populacional
Quinta-Feira, 01 de Outubro de 2020

Morre pastor por complicações provocadas pelo coronavírus em Goianésia

Publicado em 15/09/2020 às 20:13

CLIQUE PARA AMPLIAR
PUBLICIDADE

Na noite desta segunda-feira, 14, o coronavírus fez mais uma vítima em Goianésia. Aos 55 anos, Claudemir da Silva, que além de pastor, era advogado e professor universitário, perdeu a batalha para o covid-19, se tornando a 56ª vítima na cidade.

 

Há alguns lutando contra a doença, ontem a noite ele acabou sofrendo uma parada cardíaca ocasionada por septicemia, também conhecida como infecção generalizada. Isto acontece quando um quadro de infecção é agravado, fazendo com que o organismo não consiga controlá-lo.

 

A Secretaria Municipal de Saúde - SMS - confirmou nesta terça-feira, 15, um total de 108 novos casos e cinco mortes em decorrência da covid-19. Com isso, a cidade acumula 2.618 casos e 51 mortes. Este foi o recorde de confirmações de morte em 24 horas.

 

Vale ressaltar que o boletim diário contabiliza os casos informados ao longo de um período de 24 horas, independentemente da data em que os casos ocorreram, mas nestas últimas 24 horas a cidade registrou 418 notificações, porém, recebeu 502 resultados de exames, o que contribuiu para que os casos suspeitos não se elevassem tanto. A SMS confirmou ainda a cura de 97 pacientes.

 

Conforme divulgado pela SMS, o vírus que já contaminou 2.726 pessoas em Goianésia e matou 56, e 392 pacientes em tratamento e  2.283 foram curados.

 

 De acordo com o boletim, 15.181 pessoas foram notificadas, mas 11.667 casos foram descartados, assim, 956 continuam em estado de suspeição.

 

COMENTÁRIOS

Os comentários aqui postados expressam a opinião de seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Jornal Populacional

(62) 8585-3737