Gerente de banco acusado de golpe se apresenta à polícia - Jornal Populacional
Sábado, 18 de Novembro de 2017
  • Gerente de banco acusado de golpe se apresenta à polícia

    Publicado em 14/11/2017 às 16:38

    CLIQUE PARA AMPLIAR
    PUBLICIDADE

    O gerente do Banco Santander da Avenida T-7 do Setor Bueno, Fernando Dias da Silva, de 42 anos, que é suspeito de desviar dinheiro de pelo menos 30 correntistas, totalizando um prejuízo superior a R$ 4 milhões, se apresentou à Polícia Civil. Na delegacia, Fernando disse que só irá se pronunciar sobre os desvios em juízo, mas reclamou que teve que se mudar para a casa de parentes, uma vez que estaria sendo ameaçado de morte.

     

    De acordo com o delegado Eli José de Oliveira, titular do 4º Distrito Policial, o fato do gerente ter ficado em silêncio, em nada prejudica a investigação, que já ouviu até agora 15 vítimas. “Nós já apuramos que por estar no banco desde 2011, o Fernando acabou fazendo amizade, e conquistando a confiança de vários correntistas. A partir de então, com a desculpa de fazer transações e aplicações, ele obteve a senha de várias contas, e de alguns meses para cá, passou a desviar o dinheiro dos correntistas para as contas dele”, destacou.

     

    Pelo menos outras 15 vítimas, ainda segundo o delegado, devem ser ouvidas nos próximos dias, e o desvio pode ultrapassar facilmente os R$ 4 milhões. “Nós estamos aguardando que as vítimas nos tragam os extratos, para que possamos materializar o crime, e também porque soubemos que tem cliente se aproveitando destas denúncias para tentar receber dinheiro do banco”, concluiu o titular do 4º Distrito Policial.

     

    Logo após a apresentação do gerente, que aconteceu na tarde de segunda feira (13), um advogado do Santander ligou para o delegado e garantiu que o banco irá ressarcir todas as vítimas. Fernando Dias da Silva será indiciado por estelionato, apropriação indébita, e até falsificação, uma vez que, segundo Eli José de Oliveira, há denúncias de que ele teria falsificado a senha de alguns clientes para aplicar o golpe.

     

    COMENTÁRIOS

    Os comentários aqui postados expressam a opinião de seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Jornal Populacional

    (62) 8585-3737