Acidente na BR-153 em Rialma com veículo de Rubiataba deixa uma jovem morta - Jornal Populacional
Terça-Feira, 24 de Setembro de 2019
  • Acidente na BR-153 em Rialma com veículo de Rubiataba deixa uma jovem morta

    Publicado em 18/08/2019 às 20:02

    CLIQUE PARA AMPLIAR
    PUBLICIDADE

    Um acidente grave aconteceu no final da tarde deste domingo (18/8) na BR-153 por volta das 17h30 no município de Rialma, após o Posto Barreto, envolvendo um Fiat Siena placa de Rubiataba e uma carreta.

     

    A reportagem do Jornal Populacional esteve no local do acidente e conversou com um dos condutores que conseguiu desviar do acidente.

     

    Gustavo Cardoso, de 27 anos, condutor de um Voyage contou que seguia para sua cidade que é Rubiataba, sentido norte. No relato, ele fala que a condutora do Fiat Siena de cor prata que seguia sentido Goiânia, perdeu o controle da direção, rodou na pista e bateu com a traseira na região frontal de uma carreta que seguia no sentido oposto, (norte).

     

    Ele conta que a condutora do Siena (Gabriela, é filha de uma vereadora de Rubiataba, Cidinha. Gustavo Cardoso, relata ainda ao perceber o veículo Siena desgovernado, jogou o Voyage pela direita evitando que o carro dele colidisse.

     

    No interior do Siena, havia cinco pessoas, três ficaram presas entre as ferragens e foram desencarceradas pela equipe do Corpo de Bombeiros, uma das vítimas, uma jovem morreu no local. As outras vítimas foram socorridas pela esquipes do Corpo de Bombeiros e Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (SAMU). Os bombeiros ainda não tinha o nome da jovem que morreu. 

     

    Elas foram levadas para o IMEC, com ferimentos, não foi informado a gravidade. Já no interior do Voyage, Gustavo Cardoso informou que havia quatro pessoa, a esposa dele que está grávida, estava também a cunhada e um cunhado, ninguém deles ficaram feridos.

     

    Até a edição desta reportagem, o corpo da vítima ainda estava no local à espera do IML.

     

    MAIS FOTOS

    COMENTÁRIOS

    Os comentários aqui postados expressam a opinião de seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Jornal Populacional

    (62) 8585-3737